Estudo de Mercado: O que é e como fazer?

Vinicius Marino

Quando falamos para um cliente ou até mesmo internamente com a equipe sobre a confecção de um estudo com dados do mercado e concorrentes, os olhos brilham e as expectativas voam alto. Quem não gosta de receber uma análise completa sobre o que acontece e os pontos fortes e fracos de cada player do mercado? Mas, antes de entrarmos neste ponto, vamos falar sobre algumas definições importantes para o bom entendimento.

 

Tipos de Estudo

 

topico_1

 

1. Estudo de Mercado

O termo Estudo de Mercado é muito usado no universo do Marketing, mas alguém já parou para pensar sobre seu significado bruto? Basicamente o Estudo de Mercado é um conjunto de atividades orientadas para antever as vendas e os preços de certo produto com a finalidade de estimar as receitas futuras e examinar as possibilidades de obter resultados compensadores tanto para investimentos empresariais quanto para investimentos públicos.

Resumindo, este é um estudo usualmente feito quando empreendedores estão criando sua empresa e entrando em um mercado específico. Também é feito para acompanhar o desenvolvimento do mercado em que atua para poder direcionar melhor sua própria empresa.

2. Estudo de Caso

Consiste no uso de um ou mais métodos qualitativos de recolha de informação e não segue uma linha rígida de investigação. Caracteriza-se por descrever um evento ou caso de forma longitudinal. O caso consiste geralmente no estudo aprofundado de uma unidade individual, tal como: uma pessoa, um grupo de pessoas, uma instituição, um evento cultural, etc.

A definição de Estudo de Caso nos remete diretamente aos constantes relatórios e análises que fazemos para nossos clientes pois costumamos analisar seus dados tanto de forma quantitativa quanto qualitativa e sem a necessidade de uma linha específica de investigação.

3. Análise Setorial

Esta análise permite verificar e conhecer o contexto econômico em que uma empresa atua, sua concorrência, podendo avaliar suas oportunidades e fraquezas, identificando tendências que possam ter impacto nos negócios. Ele fornece informações que permitem identificar fatores de risco e oportunidades de investimentos, além da avaliação do desempenho desses setores. Estas informações fornecem projeções e traçam cenários para os diversos segmentos da economia.

Notem que a descrição de Análise Setorial é o que mais se encaixa nas atividades que analistas envolvidos com marketing digital costumam fazer no dia-a-dia e também com suas entregas de relatórios.

Quando olhamos para as três definições citadas, é possível notar que diversos pontos de cada uma são utilizados em uma análise de concorrência que são feitas no dia-a-dia por profissionais do mercado de marketing digital. Analisamos possibilidades, forças e fraquezas, investigamos com uma linha mais flexível de raciocínio, olhamos dados qualitativos e quantitativos, etc.

Não se preocupe com a nomenclatura de seu estudo pois, como notaram, isso não impacta em nada definitivamente. Tenham em mente que um bom planejamento e organização é o caminho mais importante para a confecção de um bom estudo.

Agora que temos essas definições bem claras, como se organizar melhor para montar um estudo desse tipo? Quais passos seguir para não se perder neste caminho?

Para te ajudar com isso, listamos alguns passos abaixo. Não há a necessidade de segui-los à risca, porém eles podem ser usados como base em seus estudos e relatórios:

Organizando seu estudo

 

topico_2

 

Defina o Mercado/Setor:

Simples assim. Caso esteja desenvolvendo um estudo profissionalmente, você fará toda a análise com base no mercado de sua empresa ou cliente. Porém, se estiver desenvolvendo um estudo para aprimoramento pessoal, recomendo escolher um mercado que goste para facilitar as pesquisas.

Qual a pergunta que deseja responder?

Este é o principal ponto antes de iniciar todo seu estudo. É importantíssimo definir quais as perguntas que deseja responder pois isso dará todo o direcionamento de suas pesquisas e impactará totalmente na sua visão de análise e conclusões no final do documento.

Busque os dados:

Aqui você começa a fase de buscar informações do mercado, seja utilizando ferramentas específicas de audiência ou buscando órgãos especializados que fazem pesquisas e divulgam toda sua base de informações. É importante também coletar notícias sobre o mercado pois pode ajudar a desenhar tendências de acordo com seus objetivos.

Debata sobre o tema:

A melhor forma de pensar é debatendo com outras pessoas sobre o assunto. Junte pessoas interessadas ou que já participem do mercado, mas também tenha em mãos alguns leigos para poder ter uma visão não viciada sobre, pois isso ajuda muito a ter, principalmente, novas ideias.

Estruture as informações:

Após ter todo o levantamento de notícias, estudos, pesquisas, dados de audiência, etc., é hora de organizar isso em uma base de dados e começar a cruzar informações para encontrar as respostas que deseja. Nessa etapa, os debates devem ser mantidos para, principalmente, realizar todas as possibilidades de análises.

Monte seu material:

Depois de todos os passos, basta colocar “no papel” e contar, em formato de história, tudo que descobriu, as tendências, curiosidades e respostas que conseguiu.

Na prática:

 

topico_3

 

Suponha que você esteja fazendo uma análise sobre o mercado de Telecomunicações. Uma ótima fonte de dados abertos neste caso é o site TELECO, onde você pode obter informações atualizadas diariamente com visões consolidadas por mês e com uma boa base histórica.

Ou até mesmo pode estar realizando um estudo para seu e-commerce e entender a real necessidade de ter ou não um website responsivo com uma experiência focada em mobile. Com isso você pode analisar o consumo de internet 3G e 4G no Brasil, o crescimento das vendas destes aparelhos no país e cruzar estas informações com os dados de sua ferramenta Web Analytics para ter esta resposta.

Você pode também trabalhar em um órgão governamental e ter que analisar a viabilidade da instalação de melhorias para acessibilidade em alguns locais públicos. Websites como FNDE e Acessibilidade Brasil são portais que podem prover informações úteis para este estudo. Também pode ser feita uma pesquisa de campo para coleta de informações e analisar os próprios dados da prefeitura/município na qual esteja envolvido.

Se você gosta de jogos pode optar por analisar o crescimento do mercado nacional comparado ao mundo todo. Para isso pode usar websites nacionais para buscar informações como o ABRAGAMES ou ir direto para órgãos grandes que disponibilizam ótimas análises como o EEDAR (conteúdo em inglês).

A faca e o queijo estão em suas mãos. Basta você ter a fome necessária para usufruir destas informações e mergulhar neste mar de dados.

Na DP6 temos desenvolvido esses tipos de estudos para, além de termos um material rico para análises dos clientes, incentivar o debate saudável internamente e desenvolver a visão analítica dos times. E você, já fez um estudo desses? Conta para a gente como foi sua experiência. 🙂

Vinicius Marino

Bacharel em Ciência da Computação, trabalhando com o universo de Marketing Digital desde 2010. Iniciou carreira na DP6, mas passou um breve período pela F.Biz e Wunderman. Atuou em contas como Walmart, Netshoes, Nokia e Telefônica/Vivo. Atualmente lidera o projeto de Google Analytics de Oi e atua nas contas OLX, Ipiranga e eduK. Profissional certificado pelo Google (GAIQ) e amante de estatística e análise de dados.

Vinicius Marino

Author Vinicius Marino

Bacharel em Ciência da Computação, trabalhando com o universo de Marketing Digital desde 2010. Iniciou carreira na DP6, mas passou um breve período pela F.Biz e Wunderman. Atuou em contas como Walmart, Netshoes, Nokia e Telefônica/Vivo. Atualmente lidera o projeto de Google Analytics de Oi e atua nas contas OLX, Ipiranga e eduK. Profissional certificado pelo Google (GAIQ) e amante de estatística e análise de dados.

More posts by Vinicius Marino

Join the discussion One Comment

  • Fidelia disse:

    Hmm it appears like your site ate my first comment (it was extremely long) so I guess I’ll just sum it up what I wrote and say, I’m thoroughly enjoying your blog. I too am an aspiring blog writer but I’m still new to evihntreyg. Do you have any suggestions for newbie blog writers? I’d certainly appreciate it.

Leave a Reply